Passo a passo para gerar conteúdo viral e atraente para suas redes sociais

As redes sociais dominaram o dia a dia das pessoas, inclusive, em relações de trabalho e de consumo. Sendo assim, produzir um conteúdo viral faz com que muitos sejam impactados com a mensagem que se quer passar de uma maneira criativa e atraente.


Sabe aquele vídeo, texto ou imagem que você recebe no WhatsApp, vê na internet e todo mundo comenta? Então, ele é um conteúdo viral.

Através do conteúdo viral é possível ganhar relevância e autoridade na sua área de atuação profissional independente do tamanho ou segmento.

Quer entender melhor o assunto e aprender como criar conteúdo atraente para suas redes sociais na área jurídica?

Então continue a leitura e veja algumas dicas do especialista em produção de conteúdo viral para redes sociais e Tik Toker com mais de 1,5 milhão de seguidores, Rodrigo Souza (@rodrigosouzapro).

Leia mais:

Mas afinal, o que é um conteúdo viral?

Podemos dizer que o conteúdo viral é aquele que ganha muita atenção e, em pouco tempo, se espalha na internet, aparecendo em todas as redes sociais. Sendo assim, tornam-se fenômenos digitais e dão reconhecimento a quem os produziu. Os conteúdos virais são caracterizados pela quantidade de curtidas e compartilhamentos que possuem, além da velocidade em que ascenderam.

Uma característica do conteúdo viral é despertar interesse geral e que gere conexão. Buscar uma curiosidade que a maioria não sabe sobre um determinado assunto como, por exemplo, medo de fazer compras online na Black Friday. A maioria das pessoas não sabe que pode se arrepender de uma compra online e que o comprador pode pedir a troca ou a devolução da mercadoria em sete dias, sem justificar os motivos nem sofrer penalidade.

São conteúdos capazes de gerar emoção positiva ou negativa e, consequentemente, um maior número de engajamento. Existem, essencialmente, seis emoções primárias: medo, nojo, raiva, alegria, tristeza e surpresa. Essas emoções despertam algum tipo de sentimento que se converte em uma ação como, por exemplo, contra argumentar ou compartilhar um post.

E toda vez que existe uma reação a um tipo de conteúdo, ou seja, quando a pessoa curte, comenta, compartilha ou salva um post, a tendência é que o algoritmo, a inteligência artificial das redes sociais, perceba sua reação e mostre o mesmo tipo de conteúdo para você diversas vezes.

Para criar conteúdo viral na internet é importante tentar entender a cabeça da pessoa com quem você quer falar. Quanto mais você ajudar pessoas a esclarecer dúvidas de um determinado assunto que ela não tem conhecimento e usar uma linguagem que ela consiga entender, melhor. Você ganha autoridade, aumenta sua relevância na rede social e torna-se referência para ela. 

Mas como criar um conteúdo viral? Confira abaixo o passo a passo para produzir um conteúdo que impacte muitas pessoas com a mensagem que você quer passar.

Passo a passo para criar um conteúdo viral na internet

1. Seja um bom comunicador

Para começar a produzir conteúdo para redes sociais o primeiro passo é ser um bom comunicador.  Fazer com que a pessoa que está ouvindo você compreenda o que você diz. Você pode se comunicar sem usar tanto os jargões do mundo jurídico, por exemplo. Isso porque, quando você faz com que algo complexo seja compreendido por um leigo, você se torna referência para ele, e se torna aquele que as pessoas entendem o que fala. Quanto mais informações você passar que ajude as pessoas, mais interesse elas vão ter no seu trabalho.

2. Foque em um nicho específico

Tenha clareza sobre o que você quer falar, foque em um nicho específico do Direito. Fale, por exemplo, sobre algo que esteja acontecendo no momento na mídia, esteja antenado aos acontecimentos. O conteúdo viral também tem a ver com o timing. 

3. Pesquise sobre o assunto 

Busque referências em perfis que já façam o que você quer fazer. Para essa busca, use hashtags relacionadas ao seu nicho na hora da pesquisa no Facebook e no Instagram como, por exemplo, #direitodotrabalho, #direitodoconsumidor, #advogado, #ensinamentojurídico. Essas hashtags vão te levar a algumas postagens sobre o assunto pesquisado e podem servir de parâmetro para a sua produção de conteúdo.

Faça pesquisas no Google e no Youtube. Busque por assuntos relacionados, dúvidas comuns sobre algum tema na área do Direito. Ao começar a escrever sobre o assunto, a ferramenta já completará sua frase e mostrará o que é mais buscado. 

Grupos do Facebook e fóruns também ajudam na hora da pesquisa. Estar atento ao que os seus seguidores comentam é muito importante porque ajuda a ter ideias de outros assuntos a serem abordados.

4. Conte uma história

As pessoas não compartilham apenas informações, elas compartilham histórias que fazem sentido para elas. Por isso, é preciso transmitir valores que tornem a mensagem e a narrativa uma única coisa. Uma estratégia eficiente para isso é utilizar o Storytelling, a arte de contar histórias, e transmitir uma mensagem de forma inesquecível para conectar-se com o leitor no nível emocional.

5. Mantenha-se presente com conteúdo de qualidade

Marcar presença para ser lembrado e ter o compromisso de gerar conteúdo é fundamental. Mas, para ganhar autoridade, preocupe-se mais com a qualidade do conteúdo do que com a quantidade. Falar sobre algo que a maioria não sabe é mais importante do que gerar muito conteúdo superficial.  

Como a Mentoria de Marketing Jurídico do New Law pode ajudar você

Esperamos que este artigo ajude você a começar a produzir conteúdo atraente e que estimule sua curiosidade sobre o assunto.

Quer saber mais sobre marketing jurídico e aprender como colocá-lo em prática? 

Faça a Mentoria de Marketing Jurídico do Instituto New Law.

Uma ótima oportunidade para destravar a sua carreira jurídica e construir uma marca profissional forte capaz de atrair e fidelizar clientes.

Essa é uma experiência única e exclusiva em que você aprenderá técnicas precisas para se destacar na advocacia usando a internet a seu favor e sem precisar ser um expert em tecnologia ou informática.

Serão cinco sessões online pela plataforma Zoom, com duração mínima de 1 hora e espaço para transmissão de conteúdos, esclarecimentos de dúvidas e geração de debates entre mentores, mentorados e convidados.

Esse pode ser um divisor de águas em sua carreira.

Clique aqui e faça a sua inscrição.