Jurimetria: o que é e como usá-la na advocacia

O mundo jurídico está mudando, e a utilização da tecnologia tem impactado de maneira significativa a advocacia. Planilhas foram substituídas por softwares jurídicos e muitos cálculos foram automatizados. Os documentos em papel deram lugar a arquivos digitais. E, para otimizar o trabalho do advogado, nessa onda tecnológica surgiu a jurimetria, que promete fazer a diferença. 

Mas o que é jurimetria?

Jurimetria é a estatística aplicada ao Direito. É utilizada em conjunto com softwares jurídicos num modelo de tentar prever resultados e oferecer probabilidades e valores envolvidos nestas análises.

Segundo a ABJ (Associação Brasileira de Jurimetria), jurimetria é a “disciplina resultante da aplicação de modelos estatísticos na compreensão dos processos e fatos jurídicos”. Sendo assim, a multidisciplinaridade passa, definitivamente, a fazer parte do mundo jurídico. Mas para acompanhar o progresso é preciso mudança. A revolução jurimetria e direito demanda atualização dos advogados, ao mesmo tempo que permite que eles se diferenciem a partir de seu uso.

A multidisciplinaridade no Direito

A metodologia aplicada na jurimetria proporciona condições de análises descritivas e diagnósticas mais profundas. Além disso, consegue evidenciar dinâmicas sobre a causa raiz de situações identificadas como relevantes.

Algumas plataformas permitem que você obtenha o detalhamento da tendência de um tribunal quanto à decisão de um Agravo de Instrumento, por exemplo. Dessa maneira, permite que o advogado tenha uma visão maior do seu processo e possa tomar uma decisão, considerando os interesses do cliente, de forma mais consciente e estratégica. Sendo assim, permite que invista em determinadas ações, na medida em que, ao ver a tendência jurídica, consiga extrair uma conclusão acerca do cenário do mercado.

Veja como a jurimetria pode ser útil na rotina de trabalho do advogado e muito eficiente na busca de dados para pesquisa.

Conheça as 5 principais razões para usar jurimetria:

1. Complementa sua expertise com análise quantitativa rigorosa

Com a jurimetria você pode dar um passo além. Em vez de apenas expressar um conhecimento, mostre os dados e os percentuais das decisões que corroboram essa sua opinião.

Jurimetria e direito caminham juntos. O advogado pode complementar essas estatísticas com opiniões baseadas na sua expertise, explicando como acredita que este caso é diferente, e que ele consegue construir uma defesa mais robusta que a média. Seu cliente estará muito mais preparado para tomar uma decisão e terá muito mais confiança no seu trabalho.

2. Dá nova perspectiva em temas que você acha que domina bem

Talvez você saiba menos do seu campo de trabalho do que imagina. Acredite! Você pode confundir a experiência dos seus casos específicos com tendências gerais de aplicação da lei.

Essa é uma característica comum do ser humano, pois nosso cérebro nos coloca armadilhas cognitivas que nos faz extrapolar um pouco o nosso conhecimento e acreditar que sabemos mais do que, de fato, sabemos.

O vencedor do Nobel de Economia Daniel Kahneman, autor do best-seller “Rápido e Devagar”, explica que nossa intuição estatística é naturalmente ruim. Para ele, “nós geralmente temos respostas para perguntas que não entendemos completamente, tomando como base evidências que não podemos explicar ou defender” (Kahneman 2011, tradução livre).O cérebro humano é programado para trabalhar com estratégias práticas que diminuem o tempo de tomada de decisão e chegar a conclusões rápidas com pouca informação. Essa é a forma rápida e intuitiva de pensar. Assim, o nosso sistema cognitivo tende a cometer erros quando tentamos extrapolar evidências e experiências pontuais.

3. O seu tempo é o seu bem mais importante

Serviços de jurimetria podem fazer, em poucos segundos, análises que seu time demoraria horas, senão dias para realizar. Possivelmente, algum cliente já pediu uma análise mais rigorosa sobre como juízes têm decidido determinados tipos de casos. O processo para responder a essa pergunta certamente demoraria dias.

Nesse caso um serviço de jurimetria seria um grande facilitador, cortaria todo esse trabalho de dias para poucos segundos. Com poucos cliques, você faria a análise pedida pelo seu cliente e economizaria o tempo do seu time, que poderia ser usado para outras atividades lucrativas ao seu escritório, como por exemplo, captar novos clientes.

4. Jurimetria é sua porta de entrada ao Legal Design

O Legal Design é uma adaptação do Design Thinking (metodologia de desenvolvimento de produtos e serviços focados nas necessidades, desejos e limitações dos clientes) para o meio jurídico.  Um dos seus objetivos é ajudar advogados a terem uma abordagem mais empática e colaborativa com os seus stakeholders (partes interessadas), principalmente os clientes.

Com o Legal Design, a linguagem incompreensível aos leigos é substituída por uma comunicação mais acessível aos clientes e os gráficos são uma excelente ajuda. Você pode impressionar seu cliente e melhorar a qualidade do seu argumento, de uma forma mais compreensível ao seu leitor.  

5.  Usar jurimetria aumenta seu faturamento

A jurimetria ajuda o advogado não só a ganhar o caso, mas a ganhar mais casos. Complementar sua expertise com rigor analítico de ciência de dados é uma forma de mostrar ao mercado seu compromisso com a qualidade. Isso lhe ajuda a conseguir mais clientes, fidelizar os já existentes e aumentar seus honorários.

Enfim, podemos concluir que jurimetria e direito andam de mãos dadas e que usando a jurimetria você sinaliza ao mercado seu compromisso com a qualidade e o rigor dos seus serviços. Além disso, sai na frente da concorrência, atrai novos clientes e pode aumentar o valor dos seus trabalhos.

Esperamos que essas informações ajudem você a otimizar o seu trabalho como advogado e alavanque a sua carreira.

Quer saber mais detalhes sobre jurimetria, por que você deve usá-la e como funciona na prática? Acesse o nosso ebook completo clicando aqui.